Aneel estabelece tarifas iniciais de cooperativa paulista

Cemirim atende 14 mil unidades consumidoras na região de Mogi Mirim

A Agência Nacional de Energia Elétrica definiu as tarifas iniciais da Cooperativa de Eletrificação e Desenvolvimento da Região de Mogi Mirim, no interior de São Paulo. Os valores vão vigorar de 29 de maio de 2019 a 28 de maio de 2020 e servirão de base para os próximos reajustes tarifários da Cemirim.

A cooperativa vai receber mensalmente da Conta de Desenvolvimento Energético em torno de R$ 476,2 mil, para custear os descontos retirados da estrutura tarifária. Outros R$ 656,9 mil em recursos da CDE serão repassados pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica para compensar a reduzida densidade de carga do mercado da Cemirim.

A cooperativa de eletrificação atende cerca de 14 mil unidades consumidoras, com mercado de fornecimento de 157.316 MWh. Ela compra energia das distribuidoras CPFL Paulista e Elektro, que também atendem o interior de São Paulo.